Skip links

Por que somos Provocadores?

Nascimento dos Provocadores

Antigos místicos egípcios da linha hermética diziam que seu nome interno (ou também chamado de nome secreto) está escrito no horizonte. Em outras palavras, a sua essência é a direção no horizonte pra onde você vai. O caminho que você escolhe trilhar define quem você é.

Quando estamos montando uma empresa, porém, a lógica tem que ser inversa. Primeiro escolhemos o nome – antes de começar a percorrer o caminho. Mas como você decide chamar sua marca já aponta a direção que você quer seguir no horizonte. Assim, nosso nome explica mais quem queremos nos tornar do que quem já somos.

Decodificando nosso nome

O primeiro elemento a se destacar é que Provocadores trata-se de um grupo de pessoas com uma característica comum. Esse elemento – as pessoas provocadoras – é o núcleo fulcral desse projeto. Além disso, por sermos provocadores, preservamos a individualidade e independência de cada um que faz parte do nosso coletivo.

O segundo elemento está relacionado ao ato de provocar. Para ajudar a clarificar, podemos nos basear em algumas definições no dicionário. A primeira trata como forçar (alguém) a responder a um desafio; essa é uma das principais propostas. Usar a criatividade e ações além do lugar comum para gerar reflexões e respostas nas pessoas que alcançamos.

Um outra definição é ser a causa de; causar, ocasionar. Como provocadores, queremos causar um impacto positivo em tudo que tocarmos: a sociedade, as empresas, as pessoas, o mundo. É nossa intenção causar ou ser parte das causas de mudança.

Até mesmo a definição de fazer perder a calma; irritar, perturbar poderia se encaixar no nosso escopo. Sabemos que para se ter uma ação efetiva no mundo a neutralidade não é um caminho. Se necessário, algumas disputas têm que ser travadas.

Um último elemento a ser analisado é o que é necessário para ser um provocador. Tinha receio de escolher algum nome que soasse muito arrogante. Provocadores mostrou um equilíbrio nessa parte. Provocar não é a mesma coisa de ensinar. Você não precisa ter todas as respostas e conhecimento para tudo no mundo. Provocar é olhar o mundo e questionar. É olhar com os olhos de aprendiz, ao invés do de professor. Não é mostrar as respostas, mas sim fazer as perguntas certas.

No momento, somos uma agência de marketing focada em pequenas empresas. Mas somos também muito mais que isso. Nosso nome interno é Provocadores.

Está respondido quem são os Provocadores? É óbvio que não. Esta foi só uma provocação.